Músicas preferidas

Loading...

segunda-feira, 9 de maio de 2011

O Sentido da Palavra, ou do Palavrão...


O Porque da sociedade achar que "Puta que pariu" ou qualquer outro que serão citados mais adiante, são Plavrões?

Palavrinha e Palavrão... Será essa a diferença?

Dizem os especialista que em certo lugar do cérebro, no Límbico, é lá que está localizado, armazenado os palavrões que falamos durante toda nossa vida. Isso é o que um cientista americano, formado numa das melhores faculdades e, professor na Faculdade de Artes Liberais de Massachusetts.

Bem!
Se é verdade ou não, o que ele afirma ser, que lá nessa parte do cérebro estão guardados todos os palavrões que falamos a vida toda, então? Já nascemos com a "Porra" na boca, só que em vez de falar a tal da porra, nesse caso, nosso cérebro mais burro em outro cantatinho, pois se para a "Porra" nós já nascemos com ela, porque não nascemos já sabendo falar, e sim, chorando feito um condenado, aos berros, gritos, quem houve parece até que tão matando a pobre da criança que acabou de nascer, apesar do filho da puta do médico,  de ainda colocar ela de cabeça pra baixo e dá um tapa na bunda da pobre criança!

A mulher já sofre nove meses à espera do seu filho, e depois que nasce, ainda tem que ouvir o médico dizer...
Mãe, agora espera que vou dar um tapa na bunda desse filho da puta, pra ele aprender já desde cedo a ter educação!

E é assim que fica a bunda dos nossos filhos quando nascem!
              É um Filho da Puta ou não, o médico?

Pesquisando na internet o porque dos Palavrões, achei esse comentário, onde diz que ele, o tal do palavrão sai sem querermos, pois como já falei lá em cima, já nascemos com a Porra na boca, ou na cabeça!
         Puta que pariu, porque me espancar ao nascer?

"Se você tropeçar em uma pedra logo diz: "Puta que pariu" , "Merda", "Porra" e por aí vai, sem você saber porque, de repente você teve que ser essa pessoa, grossa e mal educada, como a sociedade hipócrita diz... E sai de vez em quando, na forma de palavrões. A medicina ajuda a entender isso. Veja o caso da síndrome de Tourette. Essa doença acomete pessoas que sofreram danos no gânglio basal, a parte do cérebro cuja função é manter o sistema límbico comportado. Elas passam a ter tiques nervosos o tempo todo. E, às vezes, mais do que isso. De 10 a 20% dos pacientes ficam com uma característica inusitada: não param de falar palavrão. Isso mostra que, sem o gânglio basal para tomar conta, o sistema límbico se solta todo. E os palavrões saem como se fossem tiques nervosos na forma de palavras."
Fonte: Pesquisa em sites da internet

Na Idade Média, nos estudos que todos nós passamos e tivemos que ler lá atrás, em tempos tardios, diz na literatura que uma das maiores Bibliotecas da época, a de Alexandria, fundada na Disnastia Ptolemaica, onde escutamos e lemos várias versões para o acometido incêndio que consumiu-a toda. 
                                      Biblioteca de Alexandria
Em outras versões, alguns dizem que Julio César em sua visita a Alexandria, no século 48 a.C, foi o culpado pelo ato de vandalismo.
E tudo isso por conta da tal Cleópatra, onde César, puto com o irmão de Cleópatra, foi guerrear e acabou fudendo a Porra da Biblioteca.
E olha que ela foi considerada uma Puta, pois até Marco Antônio se fudeu nas mãos dela!

Mas também podemos voltar mais no tempo, na mitologia Grega, onde os Deuses, Deusas e mitos da época, tentava os pensadores, desvendar o significado das Palavras, mas estudada no Período Helenístico, no Império Romano.
                        A cara do bicho já dava medo!
                                                          Zeus
Mas podemos perceber que, naquela época os nomes dos ditos cujos pareciam mais um Palavrão do que, propriamente dito um nome, como os mais usados hoje em dia.
Poetas como Plutarco e Pausânias e, Plutão, Zeus " Talvez eles na época pronunciavam a palavra Deus errada" e acabou em Zeus, corrigido hoje em dia, para Deus.

Bem!

Palavrinha ou Palavrão! Qual a diferença? E porque de ser palavrão, obsceno ou imoral?

Corrupção, essa palavra hoje dia muito usada e ouvida por todos, e muito divulgada na Mídia!

Será que isso não seria um Palavrão também?

Pois Imoral e Obsceno, Maldoso e Corrupto, com certeza afirmo que é, um diretor de Escola dar comida Podre para crianças famintas, ou não?

Qualquer dia desses vamos ver todos os palavrões adicionados no Aurélio, como se fossem uma das coisas mais naturais, se falar a qualquer hora e em qualquer lugar...
             Fiscais encontram comidas vencida e com fungos....
Pois se ser Corrupto e servir comida podre para uma criança  passou a ser um ato corriqueiro na sociedade Hipócrita que acha isso normal, visto pelos nossos Juízes e, marteladamente com o veredito de, Inocente o "Filho da Puta Ladrão".
             Qual foi o filho da Puta que não viu a mosca na sopa?

Tenho uma amiga que diz que meu caralho é proparoxítona, pois quando falo esse Palavrão, acentuo a primeira sílaba ao falar, daí dele sair bem acentuado mesmo!

Pois é pra ficar puto em ver uma matéria dessas na TV e não ficar indignado, ou não?
          Eles são irracionais?

Ou nós é que somos?