Músicas preferidas

Loading...

domingo, 29 de maio de 2011

500 anos onde o Cartel sempre foi e, é o marco do Poder no Brasil!
 O Rei e seus Súditos e a Igreja!
Influência
Significado: 1. Ato ou efeito de influir. 2. Poder ou ação que alguém exerce sobre outrem ou sobre certos fatos ou negócios. 3. Prestígio, preponderância, poder ou ação sobre outro.

A Política perniciosa do cabresto...

De mãos dadas... Os grandes Latifundiários do Poder!

Nunca Fomos um Povo Educado, mas sim, trazido nas redias ou mantido num curral, como um rebanho à espera de ser abatido!
Sob o comando do poder absoluto, ditada pelos  Governadores, muitos ainda, verdadeiros Coronéis antes Vice-Reis, Capitães-Mores e pelos Padres da Companhia, esse último, sempre associada ao Poder maior, o Governo Geral , Federal, que detém o pátrio poder da Terra, um dos maiores Feudos do Brasil.
 Mudanças Já...
Somos um Povo flagelado pela extorsão e o descaso Público –  "Nunca fomos, nem somos ainda uma nação culta, livre e original.. E nem seremos enquanto esse Poder nefasto continuar a reinar no Brasil"

Dos Vícios dos 511 Anos desde o descobrimento, da Terra!

Tornando-os em escravos, onde eram os verdadeiros donos da Terra...

Dos massacres cometidos aos índios, antes donos da terra, não donos absolutos, mas mantedores da Natureza e não destruidores.  Os índios que aqui viviam, considerados selvagens, foram abatidos como gado e, transformados em escravos para manter o conforto e privilégio de poucos.

Cartel e Oligopólio
Significado: Carta de desafio. Acordo no qual empresas do mesmo ramo unem-se para determinar um preço único de seus produtos (em geral elevado), eliminando a concorrência. É considerado uma forma de oligopólio.
 O Ouro vermelho do Império, o Pau Brasil!
Da destruição da floresta, devastada pelo vício do Poder " O Vício do Pau Brasil", onde mais uma vez, torna os seres, o Povo, escravos em prol do Cartel da madeira preciosa. Um cartel que perdurou nas mãos do Poder Público até 1872, onde só foi aberta a iniciativa Privada no mesmo ano. Mais de 70 milhões de árvores foram derrubas!

Seringais na Amazônia
 A história se repete com o ciclo da borracha, nos seringas brasileiro, onde o crime perpetua em mais um vício, de matanças e do crime Organizado
 O Feudo nas mãos dos Coronéis...
Perdeu, as terras são minhas agora!
E nesse rol de vícios durante a história desde o descobrimento, vem a dos donatários de terras, dos nichos dos Senhores Feudais, que hoje numa nova era, com nova fachada, predomina a concentração de Terras, aos latifundiários, onde 90% está nas mãos dos nossos Políticos e da Igreja Católica, que na verdade, não deixaram de ser a vergonha Nacional que oprime toda sociedade.
 A campanha de que Deus te salvará, a quem?
Meus filhos, não deixem ninguém passar pelas minhas Terras!
Agora o mais recente Vício, o das Drogas, onde mais uma vez os Políticos entram em cena, contrariando suas expectativas - "O Tiro saiu pela culatra"
 Nós começamos, agora temos que terminar!

Se não legalizarem as drogas, seus filhos, parentes e Amigos influentes, caem! Quebrando assim, o Cartel que mantém as fabulosas cifras do faturamento do Narcotráfico no Brasil, mantido por eles!

Soluções para os problemas dos mais de 500 anos, até hoje não solucionadas!

. A reforma agrária que nunca saiu do Papel - Se arrasta numa encenação teatral, entre os acordões Políticos e, patifaria do Cartel de  Lobistas nos bastidores do Poder.
Os grandes latifundiários continuam, e o Povo na mesma Merda de antes!

O Clã do Sarney, o Coronel do Maranhão - Leia em " Os Honorários Bandidos"

Um dos maiores Latifundiários do País...
 Jader Barbalho
O  clã de Jáder Barbalho no Pará, que tentou  todo custo assumir a Superintendência do Incra com um dos maiores estoques de terras públicas do país teria feito diretamente em Brasília. 
Nos bastidores, comenta-se que a indicação foi mais disputada que algumas diretorias do Incra. Envolvido em escândalos de grilagem de terras e falsificação de documentos em cartórios públicos, onde até hoje, sem nenhuma punição, as falsificações passaram a ser legais!

Outro Clã da corrupção, o a da família FHC. Estampa escândalos de corrupção e favorecimentos políticos em sua história
 FHC, o Protagonista da fanfarra do seu Clã...
 Quem já foi Rei, jamais perde a Majestade!
Paulo Henrique Cardoso, filho do Ex Presidente Fernado Henrique Cardoso, Para se locomover na Cidade Maravilhosa, ele utiliza uma BMW blindada, sempre acompanhado por guarda-costas e seguranças do Exército brasileiro. 
O Safadinho do Pai, Pródigo!
Depois da separação, em 1997, de Ana Lúcia Magalhães Pinto, herdeira do Banco Nacional, com quem esteve casado por 17 anos e com quem tem as filhas gêmeas Joana e Helena, de 13 anos. Ele se separou um ano depois da intervenção do Banco Central nas empresas da família de Ana Lúcia. A primeira empreitada de solteiro foi com Tereza Collor, 35, a viúva de Pedro Collor de Mello. Ainda se envolveu em escândalos no desvio de verba do evento Brasil 500 anos, empresas fantasmas e remessa de dinheiro ilegal pra fora do país.
E assim caminha a Humanidade!
Os crimes cometidos em todo território nacional, seja ele pela Terra, pelo almejo do Poder Político ou pelo tráfico de influência e Drogas
 . O trabalho escravo, onde milhares de pessoas hoje, após 123 anos da promulgação da Lei Áurea, ainda convivemos em pleno século XXI, com tais atrocidades.
A desigualdade no pais insiste em predominar - Poucos Ricos, dominam a maioria, com mais de um terço da população vivendo abaixo da linha da miséria.
 Libertação dos Escravos no Brasil, aconteceu?

. Diante dos fatos Históricos que nunca foram solucionados, mas sim, maquiados e empurrados com a barriga " Cheia dos Políticos e, Vazias do Povo!!". Enfrentaremos agora mais uma apologia Teatral para a solução de uma Praga devastadora, as Drogas.
 Crime, ou descaso do Poder Público?

Resumindo o conceito do que é a Sociologia 
A sociologia abrange, o estudo dos grupos sociais, da divisão da sociedade em camadas sociais, da mobilidade social, dos processos de cooperação, competição e conflito na sociedade etc. No seu processo de análise, a sociologia procura identificar padrões e caracteres gerais comuns a todas as classes de fenômenos sociais, observando o que é repetitivo e procurando daí fazer generalizações teóricas.
 Verde que te quero Verde...
Será que nosso Ex-Presidente FHC pensa que Generalização é o mesmo que, apologia e aceitação do desastre que as drogas vem causando na Sociedade como um todo?
 "A medicina explica que o ser humano depois de uma certa idade, perde parte do seu raciocínio, bem como, o olfato, sua capacidade de enxergar com mais clareza os fatos inerentes ao cotidiano. Será que ele contraiu Esclerose Múltipla?"

Pensamento de Criança, quando pensa em ser um Sociólogo...
Será que devo ser Sociólogo?
Bom, quando crescemos!
 E isso vem se tornando cada vez mais difícil num mundo que faz de tudo para nos impedir o amadurecimento, a sensibilidade e a experiência -, queremos ter uma profissão. Mais do que uma escolha, trata-se de querer saber nosso lugar no mundo, nossas chances e nossas possibilidades de interferir no rumo das coisas, do mundo e da vida das pessoas (sem fuxicos nem invasões de privacidade, é claro). Uma profissão revela sempre uma visão de mundo, uma perspectiva da vida e da história. O que dizer de quem escolhe a carreira de Sociólogo? O que é a Sociologia? Na visão mágica do universo infantil, parece ser mais fácil e interessante, além de mais claro e preciso, criar um instrumento de resposta para tão inquietantes questões.

A Mídia hoje, influência essa Política perniciosa da apologia as Drogas!
 No Brasil, os pobres são ainda mais desprotegidos diante da repressão. 
"Um filho de Político, ou de um Juiz, ou um Governador, ou Atores e Personalidades Públicas, é flagrado com 700 gramas de maconha, assim é considerado usuário ao alegar que é para seu uso pessoal."
O que posso fazer, Genteee!!
 São filhos de meus Parceiros, do Crime!
Agora! Se um moleque é pego com duas trouxinhas na favela, " O pobre coitado, fudido, já entra como traficante".
A Constituição Brasileira, cita e afirma!
 " Todos somos iguais perante à Leis!", Será?
O fracasso dessa política que vem fazendo apologia e a consequente expansão do consumo, expõe mais ainda a população, sobretudo os jovens, ao risco da dependência. A Droga como um todo, não só a cocaína e o crack, mas também a maconha, o álcool, não apenas lesam seriamente a saúde do usuário como podem alterar seus valores morais e psicológicos, podendo levar o usuário ao cometimento de crimes bárbaros, como vemos na mídia todos os dias.
Essa é a mentalidade dos nossos ilustres Pensadores do Poder!
 As Cracolândias se espalham por todo país e, mais de 21 deputados federais que desembarcaram em São Paulo a viagem turística à Cracolânida, e vemos mais uma peça teatral arquitetada com a nossa Mídia vagabunda, tornando assim, o ponto alto no roteiro da comissão do combate ao crack e outras drogas. Quanto custou essa viagem dos 21 Deputados?

Vamos ver só de cima, Gente!
A coisa lá em baixo tá Preta!
E porque não?
Ter usado essa graninha para criar Centros Integrado de Assistência Psicossocial para tratar os viciados.
Nem Centros de Assistência, muito menos, uma política de Saúde existe no País!
 Então!
Primeiro em falar abertamente em liberar as drogas, o Poder Público deveria sim, se preocupar em criar Centros para tratar os milhões de viciados que fazem uso constante das drogas, e que na verdade, é abastecida pelos Traficantes, e mais ainda!
É melhor farrer a sujeira pra debaixo do Tapete!

A Elite e os Políticos poderosos, é quem mantém o Cartel das drogas e do crime organizado em pleno funcionamento no Pais!

sábado, 21 de maio de 2011

Eduardo Paes, um Prefeito sem História!!! E Geografia, será que ele também aprendeu um Pouquinho?

Entre Brejos, Pantanos  Manguesais, Rios e as Montanhas, Nasce a cidade do Rio de Janeiro, antes, cidade de São Sebastião...
Eu faltei muita aula na escola...
Minha Praia era outra!!

Rio de Janeiro in Demolição e constantes enchentes.
Como pude abençoar esse Rapaz para ser o Prefeito da Cidade, que era tão Maravilhosa!
Os sábios da época do Império, ocupou inicialmente, as pequenas planícies de brejo e uns poucos morros da estreita faixa situada entre as encostas e o mar. Mas se esqueceram da tal Natureza, como ela iria se comportar ao longo de sua existência, e fora a população,  que cresceu desordenadamente!!
Vou ter que estudar mais um pouquinho!
Lagoa de Jacarepaguá, agonizando!


Aquilo é um porco ou é um Político? Qual dos dois? O que tá puxando ou sendo puxado?
Acho que é o Ex- Ministro do Meio Sujo Ambiente, tentando explicar a sua semelhança com o Homo Sapiens.
Eu faço parte da Raça Humana!!
Ainda não sei qual raça, mas pelo menos da raça Política, eu Façooo!!!
Na escola ele escutou a explicação do professor, em dizer...
Homo sapiens, como espécie, tem como característica o desejo de entender e influenciar o ambiente à sua volta, procurando explicar e manipular os fenômenos naturais ao seu redor através da Filosofia"
Será que ele entendeu tudo Errado, e passou a manipular 
o Povo!?


Lagoa do Boqueirão século VXIII
Hoje Largo da Lapa, ao fundo os Arcos da Lapa.
A expansão urbana processou-se ao longo do sopé do maciço montanhoso e pelos vales, como nas Laranjeiras, no Rio Comprido e na Tijuca, Largo da Lapa "Antiga Lagoa do Boqueirão", bem como outros mangues e lagoas existentes entre o Centro do Rio, se estendendo até a Praça da Bandeira. As pequenas baixadas, quase sempre pantanosas, foram depois sucessivamente ocupadas.

Nos pontos Rosas podemos ver as Praia Formosa e  Praia dos Lázaros, também a Ilha dos Melões e Moças.

Toda Orla do Bairro de São Cristovão foi aterra!
Observem como a área na época era cercada de rios, córregos e lagoas.
Toda essa área foi fortemente aterrada, dando lugar hoje ao Canal do Mangue.
Hoje, a Francisco Bicalho...
E também a Estação Ferroviária Barão de Mauá, Rodoviária Novo Rio e Cais do Porto.
Observem o Campo de São Cristovão onde ficava, bem próximo ao mar.

Ilha das Moças

A região suburbana, que surgiu depois e continua em expansão, a ocupação iniciou-se ao longo das vias férreas. As planícies mais baixas, bem como os manguezais que margeiam a baía, foram mais tarde anexados à área urbanizada, totalmente aterrada. As montanhas e o mar sempre dificultaram o crescimento do Rio de Janeiro e deram-lhe uma forma longitudinal.
A Baía da Guanabara já foi Palco da Pesca da Baleia, bem como, várias espécies que se refugiavam ali para procriação.
Cadê o Merda do Prefeito e do Governador,que não viu isso? E a Eco 92, serviu pra que?
Hoje ela tá assim, agonizando!
Ao longo do século XVIII, a cidade passou por diversas transformações, como o aterro da lagoa de Santo Antônio, que deu lugar ao largo da Carioca.
Largo da Carioca começo do século XVIII
Muitas mudanças ocorreram e se acentuaram a partir de 1763, quando o governo Central mudou-se de Salvador para o Rio de Janeiro, transformando assim, o Rio de Janeiro no novo Centro Administrativo do país. 
Paço Imperial e Cais da Praça XV de Novembro
Hoje aterrada também, dá espaço a Estação das Barcas.
A foto anterior mostra o Cais com suas escadas próxima ao mar, mas acima podemos ver que toda aquela área foi aterrada, mais ou menos uns 100 metros. 

Foi aterrada a lagoa do Boqueirão, atual  Passeio Público.

A Lagoa do Boqueirão era um pântano cercado pelo mar e pelos morros do Castelo, de Santo Antônio, Senado, Colina da Glória e das Mangueiras. 
Olhem até onde o Mar chegava no bairro da Glória, antiga praia do Russel!
Como não havia serviço de esgoto na época, ela era utilizada, assim como todas as lagoas do Rio no período colonial, para o despejo dos dejetos da população. Devido à insalubridade da lagoa, toda a região da Lapa era despovoada.
Praia de Santa Luzia em 1850, hoje englobada pelo Passeio Público, Marina da Glória, Av. Beira Mar e parte do Aterro do Flamengo.

Na conquista do espaço urbano, começaram a ocorrer os graves problemas do crescimento transparecem nos desmontes e aterros.  No século XX, outros morros tiveram o mesmo destino. 
Pedra do Sal na Zona Portuária
Veja como a Baía da Guanabara se estendia até ela, hoje a Praça Mauá e o Bairro da Gamboa e toda a zona Portuária ocupa esse espaço.
O morro do Senado contribuiu para aterrar a zona portuária. 
As terras do morro do Castelo, berço da cidade, serviram para formar a praça Paris e adjacências. 
O de Santo Antônio, por sua vez, foi abaixo para facilitar a construção de vias de acesso direto à zona sul, que se expandiu ao longo da orla oceânica.
Bairro da Glória antes do aterro da Praia do Russel - 1894
Depois de Aterrada, ficou assim! Hoje, totalmente mudada depois das várias demolições e modificações ao longo do século XX.
Apesar dos desmatamentos que o município já sofreu, é dos poucos que podem gabar-se de ter reconstituído uma floresta inteira, com espécies da própria mata Atlântica original. O espaço, hoje, é tombado como patrimônio público e denomina-se Parque Nacional da Tijuca. 
Será mesmo, que contribuiu?
Nem o Santo dá mais jeito no caos que a cidade se encontra, todas as vezes que chove..
Contribui para amenizar, nos meses mais quentes, o clima tropical da cidade que, de novembro a abril, apresenta médias de temperatura bastante altas e também elevada umidade relativa.
Quando isso vai mudar?


Mas tudo isso, não veio a frear a desordem urbana, com as políticas adotadas pelos nossos Politiqueiros, tornando a cidade num celeiro de pobreza, favelizada por todos os lados.
Olô, Cadê o Imperador?
Quero saber se já posso parar de treinar para para a Olimpiada ?

Será que os nossos Governantes nunca pensaram nisso?