Músicas preferidas

Loading...

quarta-feira, 30 de junho de 2010

E no Congresso!!! A Festança Continua.

  E viva o Nosso Poder, mesmo que arrastando Povo para a pobreza, mas preferimos assim...

Pobres e Ignorantes.. Quantos mais tivermos, mais votos teremos.kkkkkkk



 









Um ano e três meses depois de chocar o país ao admitir ter mais de 180 diretores, o Senado mantém atualmente 214 servidores que ocupam cargos de direção, e ainda resiste a enxugar o quadro. Dos 50 diretores cuja exoneração foi anunciada em março de 2009, apenas 17 perderam as funções de comando. Quinze meses depois, 33 deles continuam em posição de chefia, sem redução no salário. Desses, 26 seguem exatamente nos mesmos postos, e sete trocaram apenas de diretoria. Apenas uma servidora, a única comissionada da lista, não consta mais do quadro de servidores da Casa.

O que aconteceu com os 50 diretores que seriam exonerados

Todos os cargos de diretoria do Senado

Entre os órgãos que seriam atingidos, somente quatro foram de fato extintos: as subsecretarias de Planejamento e Execução de Convênios e de Apoio Técnico; e as coordenações de Análise de Notícias e de Pesquisas e Apoio Técnico. Também foi extinta a função de diretor adjunto do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB).

Os cortes, anunciou o Senado na época, atingiriam diretorias de “menor conteúdo de competência” e resultariam numa economia mensal de R$ 400 mil aos cofres públicos. Se todos esses cargos tivessem sido eliminados, conforme foi anunciado, a Casa teria economizado cerca de R$ 6 milhões de lá pra cá, apenas no período compreendido em pouco mais de um ano.

Check-in e garagem

O Senado deixou de extinguir, por exemplo, as funções de coordenador de “check-in” (Coordenação de Apoio Aeroportuário) e de “garagem” (Coordenação de Administração de Residências). A descoberta de uma coordenadoria que ajuda os senadores no aeroporto e de outra que funciona numa garagem de um prédio funcional pegou de surpresa até os senadores e virou um dos símbolos da falta de controle sobre as diretorias. A reportagem entrou em contato com as diretorias e confirmou que na de “check-in”, por exemplo, o nome à frente das atividades é o mesmo.

Os coordenadores de “check-in”e “garagem” estão entre os 19 coordenadores que, na hierarquia do Senado, exercem funções equivalentes às dos 126 servidores que respondem por diretorias, como diretor geral ou adjunto, de secretaria ou subsecretaria. Na mesma situação, estão outros 69 servidores, como consultores gerais, coordenadores adjuntos, assessores jurídicos, secretários de comissão, chefe de cerimonial, entre outros, também equiparados a diretor por suas respectivas remunerações.

A relação dos 214 servidores que ocupam postos de direção ou equivalentes é composta por funcionários que recebem as mais elevadas funções comissionadas (FC 8, FC 9 e FC 10). Isso significa que, além do salário, esses servidores recebem entre R$ 4.128,02 e R$ 4.953,63 a mais apenas para exercer a função. O Senado ressalta que nem todos são diretores “formais”, porque não têm autonomia e nem subordinados ou orçamento próprio à sua disposição. A reportagem tentou contato com o diretor-geral do Senado, Haroldo Tajra, mas não obteve retorno.
“Enxugamento”
A lista dos cargos que seriam extintos e dos diretores e coordenadores que seriam exonerados foi divulgada, na ocasião, pelo próprio Senado. O anúncio das exonerações e das extinções das funções foi feito pelo primeiro-secretário, senador Heráclito Fortes (DEM-PI), em março do ano passado. Segundo ele, os cortes eram "o primeiro elenco de medidas" para enxugar a megaestrutura do Senado. "Tínhamos que começar, e não podíamos adiar por muito tempo. Então, esse é o primeiro, e vamos continuar procurando não cometer injustiças, principalmente com os servidores desta Casa", explicou Heráclito na época.

Procurado ontem (29) pela reportagem para explicar por que a Casa não fez as alterações anunciadas, o primeiro-secretário disse que não pretende falar sobre o assunto até que o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) apresente seu parecer à proposta de reforma administrativa da Casa. O relator não deu retorno ao contato feito pelo site com seu gabinete no Ceará.
A 2ª vice-presidente do Senado, Serys Slhessarenko (PT-MT), falou à reportagem sobre o assunto. “Ave Maria!”, exclamou a senadora, ao saber da não extinção dos cargos de diretoria. Mas a petista não quis acreditar que a estrutura da Casa ainda não tenha sido devidamente reduzida, como foi anunciado pela Primeira Secretaria em março. “Eu acredito que tudo isso foi extinto. Eu não conferi isso, faz muito tempo que a gente trabalhou nessa reformulação”, admitiu.
Única integrante da Mesa Diretora a se opor ao plano de carreira de quase meio bilhão aprovado na última quarta-feira (23), Serys disse que precisa ter mais detalhes sobre as diretorias para se manifestar com mais propriedade sobre a questão. Mas cobrou os resultados anunciados pela Primeira Secretaria. “Se eles anunciam 50 diretorias de corte, esses cortes têm de aparecer.”
Mas o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) disse à reportagem que algumas diretorias devem mesmo ser mantidas. “Às vezes, a gente sai do Senado faltando cinco minutos para pegar um avião. É importante que exista um encarregado para emitir um bilhete, fazer um check-in”, declarou o tucano, lamentando que a Mesa Diretora ainda não tenha resolvido a contento a questão do excesso de diretorias. “A Mesa é um colegiado responsável por isso. Eu lamento.”
Flexa contestou a ênfase que a imprensa dá às funções de direção no Senado. “O problema é a nomenclatura. Falam em diretor de check-in... Isso não existe”, ponderou o senador paraense.
Os senadores evitam falar sobre o enxugamento da estrutura administrativa do Senado antes que fique pronto o relatório de Tasso Jereissati. “Estou esperando chegar ao plenário para que possamos discutir”, resumiu Lúcia Vânia (PSDB-GO).
O prazo para a realização de convenções partidárias, que acaba nesta quarta-feira (30), e os festejos de São João provocaram um esvaziamento do Congresso no mês de junho – a ponto de Serys, na ausência do presidente do Senado (e do Congresso), José Sarney (PMDB-AP), e do vice, Marconi Perillo (PSDB-GO), ter encerrado ontem (terça, 30) uma sessão do Congresso por falta de quórum. Apenas quatro senadores compareceram à sessão que analisaria liberação de créditos extraordinários.
Em análise
Por meio da Secretaria de Comunicação Social do Senado, a Secretaria de Recursos Humanos admitiu que os 50 cargos não foram extintos e que as mudanças serão feitas por meio do Projeto de Resolução 96/2009, relatado por Tasso. A proposta, baseada em estudo encomendado pela Casa à Fundação Getúlio Vargas, aguarda análise de uma subcomissão na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado.

“Os cargos e funções decorrem diretamente da estrutura administrativa e, portanto, a resolução que resultará do citado projeto constitui o instrumento normativo adequado para versar sobre a extinção de cargos e funções (art. 52, XIII, da Constituição). Tão logo aprovada a nova estrutura, serão baixados os atos administrativos conseqüentes”, informou o Senado!

Fonte: Congresso em Foco

De qual Constituíção estamos falando?

Da Contituíção Federal de 1988!!!!

Ou da Contituição Paralela Corrupta montada pelo Legislativo e nossos Corruptos bandidos Políticos?

sábado, 26 de junho de 2010

A Ironia de um simples Objeto... Book ou Livro...

  Book!

O que será issso?

                 Nenhum Professor tinha me ensinado isso antes!!!





                                    Porque será?   
Será que o nosso Ministério da Educação sabe de onde vem ou surgiu?

Acho Eu!
Que nunca, jamais visto, uma aula tão explícita do que é um Book "Livro".
Enviarei esse vídeo para o Ministério da Educação, como um simples e breve lembrete, mas como uma forma audaciosa de tornar uma coisa tão simples, em algo tão valioso.
O saber explicar!
Assistam o Vídeo abaixo e vejam que maneira simples, mas ao mesmo tempo, irônico para os nossos MINISTROS tão educados, inteligentes mas contudo, IDIOTAS!
Esse vídeo foi postado no blog: http://leonorcordeiro.blogspot.com

Book Legendado PT-BR



[NOME CIDADE] -

sexta-feira, 25 de junho de 2010

O Ser e o Tempo... Ambíguos ou não?

Depois de lerem o texto, ouçam a música abaixo....

                                O que eu Procuro?
                       O tempo não me dar Tempo!!!
 
 Dizem que o Tempo não para!
Para muitos é verdade, para alguns, 
nem sabe o que é Tempo...
Tempo de espera.. Tempo de renovar.. 
Tempo para tudo!
O tempo viaja ao longo do seu próprio Tempo, 
sem medo ou consequências do que virá
a sua frente.
O Ser busca através dos tempos,
 não do seu prórpio tempo,mas da suas ausências e 
medos.. 
Talvez do medo, do além, das incertezas...
Sem limites buscamos algo que ainda não 
conseguimos entender,
mas de fato, a busca incessante, muitas das vezes, 
sem limites.
Dom, magia, intelecto, loucura, manifestação, 
religião... 
O que saber sobre tantas coisas, onde o Tempo 
muitas das vezes não nos dá tempo nem para 
 pensarmos e  agirmos... 
Através do universo ainda inexplorável, buscamos 
respostas, onde talvez aqui mesmo as encontremos... 
Mas que tempo é esse, que nos rege de forma tão 
louca, a procura de algo mais plausível, 
verdadeiro, que nos satisfaça inteiramente,
 e não pela metade.
O Tempo deixa marcas, mas também nos deixa algo
 muito mais importante,
a Vida, na qual nos ensina a enxergar e sentir o que 
ela nos proporcionou. 
Loucura ou realidade, somos ambos ambíguos,
pela incerteza daquilo do que realmente 
precisamos saber, da origem de onde viemos e
de quem somos realmente.

Letra de Time - Pink Floyd

TEMPO 
 
Assinalando tique-taques que marcam os momentos  
que se vão, que formam um dia monótono  
Você desperdiça e perde as horas  
De uma maneira descontrolada  
Perambulando por um pedaço de terra  
De sua cidade natal  
Esperando alguém ou algo  
Que venha mostrar-lhe o caminho 
 
Cansado de deitar-se sob o sol  
De ficar em casa observando a chuva  
Você é jovem e a vida é longa  
E hoje há tempo para matar  
E então um dia você descobre  
Que dez anos ficaram para trás  
Ninguém te disse quando comer  
Você perdeu o tiro de partida 
 
E você corre e corre para alcançar o sol  
Mas ele está afundando  
E comendo em volta para se levantar  
atrás de você outra vez  
O sol permanece, relativamente, o mesmo  
Mas você está mais velho  
Com o fôlego mais curto  
E um dia mais perto da morte 
 
Cada ano está ficando mais curto  
Nunca parece encontrar tempo.  
planos que deram ou em nada  
Ou em meia página de linhas rabiscadas  
Permanecer suspenso em desespero quieto,  
é o modo inglês'  
O tempo se foi, a canção terminou  
Pensei que tivesse algo mais a dizer

Pink Floyd - Time



[NOME CIDADE] -

BEM Michael Jackson - Lembramos dele assim, dessa forma!



[NOME CIDADE] -

Todos nós deixamos algo nessa vida! Mas ele deixou mais do algo... Uma Herança que vai durar por toda Eternidade.

    A Música e suas Marcas, Expressões e Heranças... Duram uma Eternidade!    

              Michael  Jackson 


 A era The Beatles nos anos 60 deixou sua marca, mas contudo, gerou, criou, inovou e inspirou novas tendências musicais, deixando assim um legado de vários lendários como:
Led  Zeppelin, com Stairway to Heaven, Pink Floyd com  TIME, Hotel California  com Eagles e uma legião deles lá fora, bem como aqui dentro no Brasil.
Hoje faz um ano que um dos maiores  perfeccionista da Música, da dança, da coreografia, do estilo próprio, da sua levesa em sua voz, e ao mesmo tempo irreverente. Falamos de Michael Jackson, onde no começo de sua carreira,  Bem foi sua marca de registro para que, seu nome, sucesso, prestígio ou seja lá o que ele tudo conquistou, tornasse-o no Melhor de todos os tempos.

Uma breve Lembrança, mas que deixa para nós e nossos filhos, uma lembrança eterna e marcante, de um Fenômeno jamais visto na Música até hoje.

A marca que o tempo nos deixou! The Beatles -Let It Be



[NOME CIDADE] -

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Terremoto de Grande Magnitude no Rio de Janeiro, atinge Hospital Universitário do Fundão

Terremoto de escala nunca vista no Rio de janeiro e no mundo, chega a magnitude de 171, atinge em cheio Hospital do Fundão, na Cidade Univésitária do Rio de Janeiro.

Vejão Imagens do Tremor de 171 de grande escala....

 
















A escala de Richter, também conhecida como escala de magnitude local, mede a intensidade de um tremor de terra de um Teremoto. Ela vai numa escala de 1 até 9.
Mas aqui no Brail, ela vai até 171.
No Brasil ela atinge essa magnitude, devido ao grau de Corrupção, omissão, descaso, desvio de verba, peculato, e tantos outros fatores...



Hospital da UFRJ fica parcialmente interditado após abalo em pilares; aulas são suspensas....

O Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, no Fundão, Ilha do Governador, zona norte do Rio, permanece parcialmente interditado na manhã desta terça-feira após um abalo estrutural em quatro pilares "Ver imagem acima" do setor mais antigo no prédio anexo, que já estava desocupado, segundo a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Por causa do problema, dos 260 pacientes que estavam internados na ala D ao lado da área afetada, 79 foram remanejados para outros setores da unidade.
O dano estrutural atingiu parcialmente 13 andares da construção e as aulas de pelo menos 1.200 estudantes de todas as especialidades da faculdade de medicina foram suspensas até a próxima quinta-feira (24) para diminuir o fluxo de pessoas.
A UFRJ informou ainda que o prédio anexo, que sofreu o abalo estrutural, não corre risco de desabar. A assessoria da universidade destacou que os seis doentes, que estavam na UTI coronariana, não precisaram ser levados para outro hospital e continuam internados na unidade. Até a manhã desta terça, o hospital de campanha montado no estacionamento não precisou ser usado.
Na madrugada de segunda-feira (21), pacientes e funcionários ouviram ruídos e estrondos acompanhados de tremores na parte desocupada do prédio do hospital.
A assessoria do hospital informou também que, apesar do problema, a unidade funciona normalmente. Apenas as cirurgias eletivas sem urgência foram suspensas e serão novamente agendadas nesta semana
Construído na década de 50 como uma ampliação do hospital Clementino Fraga Filho, o anexo foi inaugurado com obras inacabadas e nunca foi ocupado. Conhecido como "perna seca", o prédio tem 120 mil metros quadrados de área. O cálculo inicial estimado para a conclusão das obras seria de R$ 16 milhões, segundo a universidade. 
Fonte: Folha .com

Abandonado por 40 anos, a ala que sofreu o abalo, nunca terminada, não sofreu só o abalo estrutural, mas sim, o Abalo do descaso das autoridades Estadual, Municipal e Federal. Abalo 171 do códico penal.
Artigo 171 do Código Penal - Na sua íntegra.
Art. 171 - Obter, para si ou para outrem, vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício, ardil, ou qualquer outro meio fraudulento:

É ou não é, aplicavél às nossas autoridades?


Omissão, Descaso e Desrespeito à Cidadania Soberana do POVO.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Garotinho e Garotinha.. Jovens Delinquentes.

Delinquentes Juvenis, mas os dois são tão velhos pra isso!!

Garotinho e Garotinha... Que dupla dinâmica assustadora..

                             Morzinho! Eu não aguento mais isso!

                  calma Morzão! Temos muita grana ainda escondida!
Temos as coisas sobre controle ainda.. Acho Eu!

O ministro Marcelo Ribeiro, do TSE, negou recurso de Anthony Garotinho que tentava reverter decisão anterior que lhe deixou inelegível. O tribunal não aceitou a ação cautelar ajuizada pelo defesa de Garotinho contra sentença do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro que no final do mês passado tornou-o inapto para concorrer ao governo do Rio em outubro.
Marcelo Ribeiro não concedeu liminar a Garotinho com o argumento de que, na próxima segunda, o TRE do Rio vai analisar o último recurso contra sua condenação por abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação.
Processo da Comissão das Representações, Reclamações e Pedidos de Resposta
previstos na Res. TSE nº 23.193/09.

SESSÃO ORDINÁRIA:
1-Embargos de Declaração no Agravo Regimental na REPRESENTAÇÃO Nº 20-
08.2010.6.19.0000
RELATOR: DESEMBARGADOR ANTONIO JAYME BOENTE
EMBARGANTE : ANTHONY WILLIAM GAROTINHO MATHEUS DE OLIVEIRA
ADVOGADOS : Bianca Cruz de Carvalho e outros
EMBARGADO : MINISTÉRIO PÚBLICO ELEITORAL

da Reportagem Local

O TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro) multou e, R$ 5.000 o ex-governador Anthony Garotinho (PR) por propaganda antecipada. A multa também foi aplicada ao deputado federal Geraldo Pudim (PR-RJ), aliado de Garotinho.

O motivo da multa foi a veiculação da propaganda "Volta Garotinho" em site na internet no primeiro semestre de 2009.

Para Silvana Batini, do Ministério Público Eleitoral, o site tinha "claro propósito de arregimentar eleitores, expondo razões pelas quais as pessoas deveriam votar no político".


Será que vamos ter menos dois Canalhas Juvenis nas Eleições de 2010...

Que Deus seja Louvado por mais essa conquista nossa!!

Teitei, mas não Levei. Bem! Mas levei antes.kkkkkkkk

 
Tentou atrvés de liminar, ter sua cassação por voto secreto, mas mesmo assim dançou...

Velha Safada, Ordinária, CafaJeste... E agora Fofa, o que fazer?kkkkkkkk
                        O POVO oRDINÁRIO ESSE, MAS EU ME VINGAREI!

QUER SABER! O MEU EU JÁ LEVEI, E TEM MUITA GENTA QUE COME NAs MINHAS MÃOS...KKK

 Por 16 votos a favor e 3 contra, a Câmara Legislativa do Distrito Federal cassou ontem o mandato da deputada afastada Eurides Brito (PMDB), sob a alegação de quebra de decoro parlamentar. Três deputados se abstiveram, um não votou (declarou-se impedido) e outro não compareceu.
Eurides é suspeita de envolvimento no chamado "mensalão do DEM", escândalo político que atingiu a cúpula do Executivo local, levou à prisão do ex-governador José Roberto Arruda (ex-DEM, sem partido) e trouxe a ameaça de intervenção federal sobre Brasília.
Eurides foi a primeira parlamentar cassada após a revelação do esquema investigado pela Operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal. O ex-presidente da Câmara Legislativa Leonardo Prudente (sem partido), flagrado colocando dinheiro na meia, e Júnior Brunelli (PSC), que protagonizou com Prudente a "oração da propina", renunciaram.
A peemedebista estava afastada do cargo desde maio, por decisão do Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJ-DF). Preferiu enfrentar as investigações da Comissão de Ética da Câmara (CCJ), cujos integrantes entenderam, por unanimidade, que ela quebrou o decoro parlamentar e devia, portanto, perder o mandato.
Sua "coragem" chegou a ser elogiada pelo petista Cícero Rola, que pediu o voto de todos os parlamentares, inclusive o de Eurides, no dia em que a Câmara se reuniu para escolher o novo governador do DF - eleição vencida por Rogério Rosso (PMDB) em 17 de abril.
Flagrada em vídeo colocando maços de dinheiro em uma bolsa, Eurides - o que a tornou conhecida como a "deputada da bolsa" - deu depoimento a um jornal local alegando que a origem do pagamento era o ex-governador Joaquim Roriz (PSC), que, na época da gravação, preparava campanha para o Senado pelo PMDB. A assessoria de Roriz nega.
Defesa. Para o advogado de defesa de Eurides, Jackson Domênico, a deputada não poderia perder o mandato por uma irregularidade que teria sido cometida antes de tomar posse.
Fonte: Estadão

BEM!
ENTÃO O ADVOGADINHO QUIS DIZER O SEGUINTE....
ELA PODERIA TER ROUBADO ANTES ENTÃO!

ESSA É A REALIDADE DO NOSSO JUDICIÁRIO JURISPRUDENTE.

O CAUS E VERGONHOSO.


terça-feira, 22 de junho de 2010

Congresso... Quantos Fantasmas são afinal?

Caça aos Fantasmas do Congresso.. Tarefa interminável...

Se for feita mesmo... Não vai sobrar um servidor legal dentro Congresso!


Sem prerrogativa para interrogar e pedir a quebra de sigilo bancário do senador Efraim Morais (DEM-PI), a Polícia Legislativa do Senado encaminhará ao Supremo Tribunal Federal (STF) o inquérito que investiga a contratação de funcionários fantasmas no gabinete do parlamentar. Depoimento da chefe de gabinete Mariângela Cascão, da secretária Rosemary Ferreira Alves e do subchefe Marcus Vinícius Souto à Polícia Legislativa indicaram que o senador tinha conhecimento da contratação de servidores que não apareciam para trabalhar.

 

 












A quebra do sigilo bancário de cinco pessoas da família Bicalho e das estudantes Kelly Janaína da Silva e Kelriany Nascimento da Silva demonstrou que o motorista de Efraim, Antônio Sérgio Rocha Bicalho, ficava com os cartões da conta-corrente de pelo menos sete funcionários considerados fantasmas, movimentando aproximadamente R$ 25 mil por mês. As irmãs Kelly e Kelriany denunciaram o esquema de contratação fantasma no gabinete do senador na 13ª DP (Sobradinho) em 17 de maio, após descobrirem que suas identidades estavam sendo utilizadas de forma irregular. O advogado de Kelly e Kelriany, Geraldo Faustino, afirmou que o envio do inquérito ao STF demonstra que a polícia encontrou indícios da participação do parlamentar no esquema. “A justiça realmente começou a ser feita. Todo mundo achava que a investigação não daria em nada, mas a apuração conseguiu comprovar que o senador estava envolvido.”
Fonte: Blog do Aposentado Envocado -http://aposentadoinvocado1.blogspot.com.

Até quando vamos ter que suportar essa pouca vergonha?

O Sarney Canalha diz não saber!

Na verdade!

O que ele sabe realmente?

Será que só Roubar e fechar os Olhos...

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Museu do Amanhã.. O contraposto da Irracionalidade!

O Museu do Amanhã, novo Projeto de Eduardo Paes, nosso Prefeito!!

E nossas crianças de amanhã, o que serão delas?

Segundo ele, o Prefeito, o projeto está orçado em R$ 65 milhões e é resultado da parceria entre a fundação, a prefeitura, o governo do estado e a Financiadora de Estudos e Pesquisa (Finep), ligada ao governo federal.
Santiago Calatrava, convidado pelo prefeito Eduardo Paes para projetar a futura sede do Museu do Amanhã, no Píer Mauá, assistiu ao desfile a convite do prefeito Eduardo Paes. Calatrava, que visita a cidade pela primeira vez, disse que pretende apresentar os projetos paisagístico e arquitetônico em nove meses. As obras, calcula o arquiteto, deverão levar entre 16 e 20 meses. Além disso, outros seis meses seriam gastos para equipar o complexo cultural.
Fonte:  O Globo

Enquanto isso!

Rio de Janeiro expõe crise em todo o sistema de saúde público.
 
A falta de investimentos na saúde e favorecimento de empresários dos governos federal ao municipal PT-PMDB-DEM criaram condições para o caos na saúde pública

2 de abril de 2008
Os criminosos governos burgueses de alto a baixo, causaram até o momento e em números oficiais a morte de 67 e 47.779 infectados pela dengue no Rio de Janeiro.
Neste primeiro trimestre do ano, em todo o país, ocorreram 125.349 casos de dengue, e coube ao Rio de Janeiro ter quase 40% dos casos.
A situação no Estado é de caos total. Foram confirmados mais 13 casos nesta segunda-feira, dia 31, num total de 67 vítimas e 44 delas mortas na cidade do Rio de Janeiro.
Os hospitais não conseguem garantir o atendimento de todas as vítimas. Crianças chegam ao hospital sangrando, com o pior tipo da doença, a hemorrágica, e não consegue ser atendida, não há médicos e nem leitos. As esperas chegam a oito horas e não há nenhuma atenção aos pacientes que estão na espera, que precisam ter uma abundante hidratação.
A taxa de mortalidade, relativa aos casos diagnosticados chega a 20%. Um número assustador, justamente pela total destruição do sistema de saúde. Este índice é 20 vezes maior que a aceito pela Organização Mundial da Saúde.
A crise está longe de resolução. Os números de morte ainda podem aumentar sensivelmente, visto que há mais de 100 mortes sendo investigadas para saber as causas.
Fonte: O Globo

Essa é a situação do nosso estado!

Cadê nossos legisladores Vereadores que aprovam uma loucura dessas?

Genocío Humano 2

  Inspirado em Auguste Rodin.. 
                  O pensador!

                       Será que eles não sabem que   eu tenho fome?

Será que vamos continuar a ver cenas como essa, sem que tomemos uma atitude de fato?
Até quando a justiça nesse País e no mundo, vai continuar a fechar os olhos para fome dessas crianças?

Pensem no que fazer, mas não, em apenas admirar!

Em Pleno século XXI o Genocídio Humano Continua... A Fome!

Tempos de Inquisição, Políticagem ou Irracionalidade Humana?

 A fome é um tema recorrente. Seja pelo desgraçado som das barrigas roncando dos famélicos, seja pelo espetáculo de sordidez hipócrita como o tema é debatido (e sempre amenizado ou esquecido). Segundo uma estimativa atual da Organização das Nações Unidas (ONU), mais de 920 milhões de pessoas sofrem de fome crônica no mundo. Sem maiores adjetivações, a fome é muito mais que uma particularidade de uma dada região endêmica, mas sobretudo uma questão profundamente inserida no modo de produção e partilha de riquezas materiais, ideológicas e culturais de uma sociedade.
Para quem vive nos suntuosos escritórios da Avenida Paulista, símbolo lustroso da "locomotiva" paulista, acomodando o farto glúteo em densas poltronas de couro "legítimo", entre um olho nos índices da BOVESPA e o outro olho em algum catálogo em busca da próxima garota de programa para o descontraído "happy hour", a fome seria uma coisa de pobre, preto ou nordestino (geralmente um misto destas três derivações!). Claro, a tal "fome" não passa nem de longe na cabeça de algum agiota financeiro ou um empresário "bem sucedido" no capitalismo à brasileira.
 
Não seria a ética ascética do trabalho que agracia seu crédulo com beatitude do lucro e leva para debaixo do tapete qualquer excrescência a este processo? Na limitada dimensão do mundo e no alto de imponentes edifícios, a ótica do especulador das finanças do engenho capitalista, a fome e a degradação humana são problemas do "gueto" (leia-se, "aquelas criaturas que ficam pedindo esmola nos faróis da cidade" e ponto final!). Para as classes médias e remediadas, a questão da fome oscila entre a caridade recalcada e a "punição merecida" aos lenientes ao trabalho (logo, riqueza e pobreza é uma questão meramente de "sorte para os esforçados"!). Para os burocratas formadores de políticas públicas, os chamados "policymakes", a fome precisa se enquadrar dentro dos padrões orçamentários governamentais. Já para os políticos de amplo espectro partidário, a fome é sempre um mote que angaria um bocado jocoso de votos.
 
Josué de Castro (1908-1973) se debruçou com maior afinco e destaque no estudo da fome no Brasil. Pernambucano de nascimento, médico e sociólogo, conheceu bem de perto o drama existencial do conceito de fome. A definição para as origens da fome merece o destaque das palavras de Castro: "A fome é, conforme tantas vezes tenho afirmado, a expressão biológica de males sociológicos. Está intimamente ligada com as distorções econômicas, a que dei, antes de ninguém, a designação de ‘subdesenvolvimento’".
 
É muito mais simples culpar os miseráveis pela sua própria miséria humana do que querer discutir os reais fundamentos da desequilibrada distribuição de renda entre os indivíduos vivendo numa mesma sociedade. Há ainda aqueles supostos "especialistas" que tratam do tema como se fosse praticamente "profano" a tal ponto que qualquer tentativa de debatê-lo seria em vão (sempre suscitando uma expressão semelhante ao "muito complexo" compondo a discussão da fome). Para os partidários do "complexismo da fome", deveriam perguntar aos que passam fome qual a sensação de não terem absolutamente nada para comer durante horas ou dias (certamente a resposta seria inequívoca!).
 
Naturalmente, dentro dos teares do que o economista austríaco, Karl Polanyi, batizou de "moinho satânico", está o sistema de regulação da natureza capitalista do mercado, que possui na sua gênese a ordem imperativa da desagregação social. O que causa certa perplexidade quando alguns pesquisadores buscam justificar o "ambiente caótico" do capitalismo na aproximação de teorias naturais de caos e complexidade (alguns destes "bombeiros intelectuais" têm a insensatez de adornar tais estudos com um rótulo fantástico de "Econofísica", ou seja, o que seria uma prosaica "Física da Economia"!).
 
Logo, o que sobra para amenizar os conflitos de classes e não proporcionar maiores empecilhos ao capital (por exemplo, revoltas e revoluções por parte dos excluídos do processo deste sistema)? Uma forma muito bem oportuna é patrocinar a querela cristã da piedade ou caridade. Destaca-se no "Novo Testamento" a importância da doação como oferenda divina e não como necessidade de justiça social: "O poder divino deu-nos tudo o que contribui para a vida e a piedade, fazendo-nos conhecer aquele que nos chamou por sua glória e sua virtude" (Segunda Epístola de Pedro, 1:3).
 
A piedade sob a forma de caridade é uma vil promessa de cura que apenas sustenta a linha entre a vida e a morte. Atos de caridade podem ser muito salutares como dogmas religiosos (salvação da alma avarenta em busca de bonança na Terra Prometida), porém, são um nefasto caminho para justificar a suposta amenização da fome. Tratar a questão da fome como um problema isolado e passível tão somente da assistência providencial da caridade na esfera pública é proporcionar a perpetuação latente da degradação humana. A miséria não pode ser estancada com cômodas medidas circenses de piedade contemplativa cujos resultados são paliativos ou inócuos.
 
Excetuando períodos de guerra ou profundas calamidades naturais, é permanente o desequilíbrio social em praticamente todos os países, sejam os mais desenvolvidos, em desenvolvimento ou subdesenvolvidos. O que difere tais blocos de países em diferentes condições de progresso material é o apoio logístico que o Estado concede em cada um destes países, alguns mais propensos à amenização da pobreza, enquanto outros relegam seus habitantes à própria sorte. A fome é o símbolo máximo do lento genocídio do descarte humano.

Fonte:
Wellington Fontes Menezes é mestrando em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista (UNESP), bacharel e licenciado em Física pela Universidade de São Paulo (USP) e professor da Rede Pública do estado de São Paulo.
Contato: wfmenezes@uol.com.brEste endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email – Blog do autor:http://www.wfmenezes.blogspot.com/

Maluf diz... Eu ainda sou o Paulo Malu!

 
Isso é para os Otários e não para mim!

Eu sou o Maluf, ficha Limpa....

Apesar de ter uma condenação por decisão colegiada, nA segunda instância da Justiça estadual de São Paulo, Maluf afirmou que não está enquadrado nas inelegibilidades da Ficha Limpa. "É bom que se diga: sou elegível, sou candidato a deputado federal e não tenho nenhuma condenação.
Tenho 43 anos de ficha limpa de trabalho", disse Maluf.
Em abril deste ano o TJ-SP (Tribunal de Justiça) condenou Maluf, por 2 votos a 1, a devolver mais de 21 mil reais aos cofres públicos pela compra superfaturada, feita pela prefeitura de São Paulo à época em que ele era prefeito, de mais de uma tonelada de frango.
Os advogados de Maluf fizeram um embargo à declaração do tribunal, o que, na prática, significa pedir esclarecimentos por alguma dúvida, omissão ou contradição na decisão. O embargo impede o trânsito em julgado da sentença, mas não anula a decisão colegiada.
Questionado pela reportagem da Folha sobre o fato, o deputado afirmou que era uma "mentira". "Não é verdade. Fui inocentado em primeira instância e o caso está agravado, portanto não tenho condenação. É mentira que eu tenho uma condenação". 
Fonte: UOL NOTÍCIAS

O QUE FAZEMOS AGORA?

ACREDITAMOS NA JUSTIÇA DO NOSSSO BRASIL?
OU VAMOS VER MALUF VOLTAR DE CARA LAVADA!

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Protetor de ouvidos contra as Vuvuzelas - Não confundam!

  Prático e Barato.. Produção nacional e, encontrados em qualquer drogaria do País.

           Um Grande Protetor contra as Vuvuzelas!

 Para aqueles mais irritadinhos, essa é uma grande opção...

Mas não vá usar em lugar errado heimmm!

Essa é ótima! Não é de Portugues nem do Pedrinho,, Mas!

Nacionalidade de Eva e Adão



Um alemão, um francês, um inglês e um brasileiro
apreciam o quadro de Adão e Eva no Paraíso.


O alemão comenta:
- Olhem que perfeição de corpos:
Ela, esbelta e espigada;
Ele, com este corpo atlético, os músculos perfilados.
Devem ser alemães.

Imediatamente, o francês contesta :

- Não acredito. É evidente o erotismo que se desprende das figuras…
Ela, tão feminina…
Ele, tão masculino…
Sabem que em breve chegará a tentação…
Devem ser franceses.

Movendo negativamente a cabeça o inglês comenta :

- Que nada! Notem a serenidade dos seus rostos, a delicadeza da pose, a sobriedade do gesto.
Só podem ser ingleses.

Depois de alguns segundos mais, de contemplação silenciosa,

o brasileiro declara :- Não concordo. Olhem bem:
não têm roupa,
não têm sapatos,
não têm casa,
tão na ....
Só têm uma única maçã para comer.
Mas não protestam ,
ainda estão pensando em sacanagem e pior,
acreditam que estão no Paraíso .
Só podem ser brasileiros…

FONTE: http://coisadafeinha.blogspot.com

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Arruda tentar sair do PAÍS para lavar seus doláres....

                            Tenho que salvar o que me resta!!!!

                              Meus advogados já comeram muito...


Vocês acham que eu estou errado?

 O ex-governador do Distrito Federal José Arruda Roberto (sem partido), acusado de ser o chefe do mensalão do DEM, tirou seu passaporte nesta quarta-feira. Pela jurisprudência do STJ (Superior Tribunal de Justiça), que o investiga, Arruda poderia viajar sem ter de informar à Corte.
Segundo a Folha apurou, Arruda disse a aliados que perdeu alguns documentos, como passaporte e título de eleitor. Apesar de poder viajar sem informar o STJ, é praxe que os advogados informem ao tribunal quando investigados saem do país.
A defesa de Arruda preferiu não se pronunciar sobre a possibilidade do ex-governador viajar. Aliados de Arruda, no entanto, avaliam que uma viagem para fora do país poderia dar margem para que a Procuradoria Geral da República entre com um pedido de prisão preventiva.
Em fevereiro, Arruda foi preso por tentativa de suborno a uma testemunha do mensalão do DEM.
Fonte: Uol Notícias

Será que STF vai deixar passar essa?

Torcemos para que Arruda volte para cadeia!

Senado Aprova na Calada da noite, mais aumentos para os Servidores do Executivo...

 
Horas após Lula anunciar fim de reajustes, Senado aprova aumento para 32 mil servidores....

              Temos que garantir o nosso!!
                     Ano que vem nem sabemos se estaremos aqui....


Na calada da noite, Senadores dá mais um presentão aos Servidores Púbicos...
Com o plenário esvaziado, o Senado aprovou nesta quinta-feira, em votação simbólica, reajuste para 32.763 servidores federais, com impacto de R$ 800 milhões na folha de pagamento do Executivo até 2012.
O projeto, de iniciativa do Executivo, segue para a sanção do presidente Lula, que anunciou hoje o fim da temporada de aumento salarial para o funcionalismo neste ano.
"O que nós vamos dar de aumento é aquilo que nós tínhamos acordado em 2008 porque nós temos parcelas a cumprir. Tudo isso será totalmente cumprido. Mas, agora, discussão de aumento as pessoas vão ter que esperar o outro governo chegar porque eu não posso comprometer o governo que vier.", disse o presidente.
Com a medida aprovada pelo Senado, servidores de 12 carreiras serão beneficiados com reajustes de 18% em julho de 2010 e 18% em abril de 2011 --12.032 ativos, 9.318 aposentados e 11.413 pensionistas.
Entre as medidas propostas no projeto estão a criação de um adicional de até R$ 1.042 por participação em missão no exterior para servidores do Ministério das Relações Exteriores e o reajuste de gratificação de desempenho para agentes penitenciários federais.
Os oficiais de inteligência de Abin (Agência Brasileira de Inteligência) terão reestruturação de carreira. Um oficial em final de carreira terá salário semelhante ao dos auditores fiscais, R$ 18.400.
Segundo o texto aprovado, o aumento salarial será escalonado. O custo será de R$ 401,9 milhões neste ano; R$ 773,7 milhões em 2011; e R$ 791,8 milhões em 2012 e anos seguintes, segundo estimativas do Ministério do Planejamento.
O reajuste foi negociado no ano passado e já consta do Orçamento deste ano.

Fonte: UOL Noticias

Equanto para os aposentados, só sobraram 7,7%, mas sem saberem se vão receber o retroativo de janeiro até junho!

Viva os Três Poderes Podres Podre do nosso Brasil.
  Mais uma do Nosso Legislativo..

                   todo mundo sabe aqui dentro acontece isso!




                    E parte do que recebemos, temos que devolver!!
 

A Polícia Legislativa da Câmara investiga a existência de um esquema de venda de vagas de garçom e copeiros terceirizados. Para se conseguir um trabalho na Casa, mesmo com salários pouco superiores a R$ 1.000, seria necessário pagar uma espécie de “pedágio” ou “contrapartida”, que variava de R$ 1.000 a R$ 3.500.
Os policiais também apuram se funcionárias terceirizadas – que deveriam estar a serviço da Câmara – foram trabalhar na residência da encarregada geral da prestadora de serviços, enquanto o ponto delas no Legislativo era assinado por outras pessoas.
Nos últimos dias, o Congresso em Foco entrevistou e conversou com vários funcionários informados sobre o caso e ainda teve acesso a depoimentos que integram um inquérito policial. Segundo eles, participam do esquema a encarregada geral da Unirio Manutenção e Serviços Ltda, Patrícia Guedes Silva, o encarregado da empresa José Vanilson e o garçom Antônio Gonçalves de Abrantes. Patrícia foi indiciada por estelionato.
Matéria Publicada: Congresso em foco


Existe uma Lei no Congresso há 15 anos, parada, para investigar salários pagos aos assessores parlamentares contratados por Deputados e Senadores.
Todos nós, os idiotas, sabemos que esses assessores não recebem o real idicado no contra cheque, que parte do salário volta para as mãos do Deputaos e Senadores , os quais o contratam e indicam.
Isso acontece nas três eferas do poder! Federal, Estadual e Municipal.
Enquanto a lei não for aprovada e, não for limitado o número exagerado de assessores contratados pelos nossos parlamentares Corruptos e Safados, nosso dinheiro continuará sendo roubado de forma Legal "Ilegal".


terça-feira, 15 de junho de 2010

Postado por um guria de apenas de 14 anos, da cidade de Votorantim, interior de SP, mas já com uma consciência, uma percepção da vida, uma sensibilidade de humaninade ao próximo que surpreende.

Leiam a matéria abaixo....


Posatado por Jesii Maceddo

 http://tudocmjesiimaceddo.blogspot.com


Brasil: Um País de todos? Ou... Da Infração dos Direitos Humanos?


Sou apenas uma adolescente, de 14 anos, mas já vejo o que o mundo é hoje!
Dizem que, todos nós somos protegidos pelos Direitos Humanos, mas, no entanto, esses mesmos, não são garantidos para todos os cidadãos.
É comum vermos nos telejornais de toda rede nacional e pública, Políticos corruptos, que pegam nosso dinheiro para fins próprios; Greves em Hospitais Públicos; Mau atendimento, “médicos” com diplomas comprados, etc. Em relação à violência, vítimas do chamado BULLYING; jovens e crianças, vítimas de estupro, muitas vezes, seguido de morte. E por aí, vai!
A resposta? Pois é, também gostaria de saber! Mas em todo o caso, isso tudo só depende de NÓS: Dizem que nada muda, se você, não mudar! Então, isso quer dizer que, todos devemos fazer nossa parte: Se cada um de nós lutássemos juntos pela mesma causa, pelo mesmo objetivo, denunciando criminosos, pegando no pé dos políticos, enfim, se cada um de nós fizesse o que deve ser feito, conseguiríamos ir um pouco além do que já chegamos... Conseguiríamos fazer a frase: “Brasil: 
Um país de todos”, se tornar real.