Músicas preferidas

Loading...

domingo, 11 de abril de 2010

Cidade da Música... O que o Povo não sabe!!!!

Você sabia?


As Dívidas da prefeitura com a Cidade da Música..

 Em dezembro, Paes calculou um gasto de R$ 50 milhões – mais da metade do orçamento inicial – para o término das obras. Com esses recursos, dizia o prefeito, seria possível inaugurar as instalações ainda incompletas e, através dos patrocinadores, continuar as obras. Acontece que a Cidade da Música já foi inaugurada sem ser concluída por César Maia, em seu último mês de gestão.
 Pelos cálculos da CPI da Cidade da Música, seriam necessários R$ 700 milhões para finalizar o projeto. Em fevereiro, Paes chegou a ameaçar cancelar os contratos com as empreiteiras e refazer as licitações. Os dois consórcios responsáveis pela obra alegam que a prefeitura tem dívidas referentes a atividades realizadas nos dois últimos meses da gestão passada.
“As construtoras cobram uma dívida de R$ 230 milhões. Só com os custos decorrentes de interrupções, encargos financeiros etc., as empreiteiras cobram R$ 48 milhões. Dentro desse valor, estão R$ 11,5 milhões de horas extras e adicionais noturnos. Também cobram R$ 95 milhões por serviços executados e não medidos, e mais R$ 93 milhões para a conclusão do projeto. Se somarmos essa dívida aos R$ 440 milhões que já foram gastos, a Cidade da Música já estaria custando R$ 670 milhões, fora o dinheiro que a prefeitura terá que desembolsar para concluir o equipamento”, denuncia Andréa.
Enquanto Isso!!
Vemos famílias inteiras sendo soterradas nas tragédias vistas nos morros cariocas.
Cadê nossos Vereadores que não viram, taparam os olhos para tamanha roubalheira que ocorreu com a aprovação de todos os gastos da nossa tão linda Cidade da Música?
Em ano de eleições, vimos agora nossos politiqueiros vereadores exercer o papel de fofoqueiros, denunciando o descaso com o uso do dinheiro público. Dinheiro esse, os quais nós, cidadões, pagamos através dos impostos recolhidos, e que na verdade vem sendo escoado pela corrupção ativa desses canalhas, que sem punição alguma, continuam todos os anos no poder.

Nenhum comentário:

Postar um comentário